10/06/2021

Pronto para o caminho

 


...o caminho era longo. Saíamos de casa pelas 4:30h da manhã, passávamos na padaria do sr. Manuel a comprar pão burro quentinho e seguíamos pela noite. Havia tempo de clarear. Estaríamos então já na serra do Pundo, olhos abertos para os verdes do Bocoio, água boa para matar a sede acabava ali. Bastava-nos, a partir de então, a corrente dos rios transparentes...