26/02/2014

a porca e o parafuso


hoje, macau...


tarde demais


num lampejo breve de néon


Jardim de Lou Lim Iok

Disseste-me que tenho a alma pontilhada de nenúfares sobre os quais te passeias ufana, como sempre fazes nos jardins. Um gesto constrói a ponte. Somos pedras, roídas de umidade, com um leve olor ao que é eterno. Não cruzes o arco. Do outro lado resfolgam as buzinas e a cidade engole os amantes, num lampejo breve de néon. 

(Carlos Morais José, O livro dos nomes)

as ondas - 2


as ondas


mural em hong kong


mantenha a porta fechada - keep closed


predial


santo nome de deus!


ilha de taipa


2t


22/02/2014

sinais de passagem


praça


benção


asa em voo


exo-paisagem


podia ter sido


um poema

vale das pedras


origem


coração de pedra


ver-te longe