23/07/2010

as árvores partiam lentamente / em finas asas d'água


e o pequeno arbusto verde
olhava-nos inocente
como se o mundo fosse uma surpresa

1 comentário: